domingo, 4 de setembro de 2011

Sem tempo, sem vontade e sobretudo sem paciência!

Que grande título para um post, mas na verdade resume um bocado aquilo que têm sido os meus dias ultimamente.

Ser mãe de dois não é tarefa fácil, sobretudo quando as coisas nem sempre correm como se queria. Ora se a isto juntarmos uma mudança de casa que nunca mais dou por terminada, uma colocação a cerca de 160km e todo o trabalho inerente a uma dona-de-casa... convenhamos que a disponibilidade, vontade e paciência não são muitas.

Confesso que ultimamente nem os vossos blogs tenho seguido, o Facebook então, só muito esporadicamente e a horários impróprios (5h da manhã mais coisa menos coisa). Mesmo assim, as raras vezes que lá vou é para me dar conta de alguma coisa que me acaba por incomodar. Mas enfim, não tarda regresso ao trabalho e volto a ter coisas mais importantes com que me preocupar!

4 comentários:

Luísa disse...

Então querida, não estejas assim!
Imagino que não deve ser nada fácil ser mãe de dois meninos assim pequeninos, mas como a minha mana costuma dizer, ficas já "despachada" e daqui a uns tempinhos estão os dois criados em simultâneo! E depois é uma felicidade enorme ou não é? O lado bom vence o lado menos bom, eles dão-nos tanta coisa boa ;) Quanto à net deixa lá isso, tenta mas é descansar sempre que possas, isso é que é importante e aproveita a tua família, a net vem depois!
Beijinhos grandes.

Ana e os Viraventos disse...

Olá Patrícia,
é verdade que ser mãe de dois é bem mais difícil do que à partida parece. Os primeiros tempos são de caos total, muito cansaço, muito desânimo. Quando estiveres mesmo em baixo faz o que te dá mais prazer, nem que seja fechar a porta e deixar a casa virada do avesso. Falo-te da minha experiência: guarda tempo para ti!
Mas também te posso dizer que tudo passa, que vais sempre ter novos desafios, mas que também vão haver períodos de graça. Vão haver momentos de ternura que vão fazer tudo valer a pena! E vai chegar o dia em que tudo corre sobre rodas (nem que no dia seguinte se instale o caos novamente).
Ainda ontem fui a um parque infantil com os dois e dei por mim SÓ a olhar para eles, já não preciso de ajudar ninguém a subir a escada, a descer o escorrega ou empurrar o baloiço!
Beijinhos
Ana

MJ disse...

Patricia
Senti isso também com o nascimento do 2º filho. Acho que agora para o 3º o treino já ajuda e não há-de ser muito diferente (digo eu).
O pior mesmo são esses 160km e o desgaste que tantos kns trazem, mas tu consegues! E dias melhores virão, isso com certeza!
Beijinhos daqui, agora que vamos estar mais próximas fisicamente!

Mamã do Dinis e do Manel disse...

MInhas queridas, não sabem como os vossos comentários me confortam nestes tempos de crise. Por vezes sinto-me uma verdadeira incompetente, pois parece que o mundo me foge das mãos. Quero agradar a todos e acabo por ficar eu descontente com o resultado final. Quem sabe porque tenho as expectativas muito altas ou porque as coisas são mesmo assim e tal como diz o ditado: "Depois da tempestade vem a bonança". Gosto muito de vocês, mas já sabem disso há muito tempo :) Beijocas grandes para todas.